chester's blog

technology, travel, comics, books, math, web, software and random thoughts

Sony Xperia X10 Mini Pro + Android 2.3 (Gingerbread) – Sony = ♥♥♥

23 Jun 2011 | Comments

Estou vendendo meu X10 Mini Pro (com o update 2.3 instalado)
clique na lojinha e veja mais detalhes

Animação do boot do Froyo. Hit the road, Sony Ericsson!Este post falava originalmente de um upgrade para o Android 2.2 (que continua válido), mas já consegui atualizar o celular para o 2.3, daí a mudança no título. Pule para o final para obter os links para 2.3.

Demorou, mas finalmente rolou: um programador (slade87) juntou código dele com o MiniCM (baseada no CyanogenMod) e conseguiu gerar uma versão do Android 2.2 (conhecido como “Froyo”) que funciona no X10 Mini Pro. Um amigo me avisou da existência de um tutorial em português escrito pelo NightCrawler, e foi o que eu segui.

IMPORTANTE: O processo não é trivial, e, embora não seja ilegal, não é autorizado pelo fabricante. Uma falha PODE inutilizar o seu aparelho, “tijolando” ele de forma possivelmente irreversível e certamente não coberta pela garantia. Não faça se não estiver disposto a assumir o risco ou se não souber bem o que está fazendo. Nem eu, nem o slade87, nem o NightCrawler nem NINGUÉM será responsável por qualquer dano, mas apenas VOCÊ. Se estiver em dúvida ou não for a sua praia fazer essas coisas, NÃO FAÇA.

Aviso dado, estou muito feliz com o resultado. Este Android é “debranded”, isto é, não tem as customizações que a Sony Ericsson inclui com a versão que vem com o telefone – é o Android do jeito que foi pensado originalmente pelo Google, com alguns toques extras dos programadores que o customizaram. A Sony afirma que não haveria vantagem em ter o 2.2 (e diz o mesmo do 2.3), mas sinto informar que o celular ficou bem mais rápido e funcional. Se foi o upgrade para o Froyo ou a remoção do software da Sony que proporcionou a melhora, fica a critério de cada um (a minha opinião é que são as duas coisas, e que a Sony devia contratar esses hackers sem pestanejar).

O tutorial enfatiza (e eu reforço) a importância dos backups com o XRecovery, que pode ser carregado antes do sistema operacional e permite executar backups e upgrades do mesmo. O Titanium Backup é outra ferramenta que já justifica fazer root do celular, e também reitero o custo/benefício de comprar o Root Explorer, além de recomendar doações para os autores dos outros softwares.

É preciso ter uma máquina com Windows para executar o upgrade (tanto o SuperOneClick, usado para ganhar acesso root, quanto o atualizador da Sony – usado no passo de “debranding” – só rodam neste sistema operacional). Mas os updates futuros podem ser feitos direto no celular, através do XRecovery. Eu queimei umas duas ou três horinhas entre downloads, backups e atualizações.

No final tudo funcionou, com a exceção do layout do teclado (o “ç” e outras teclas diferentes do original americano) – mas isso dá pra resolver com outro software do slade87. Depois de rodar o programa no PC e reiniciar o celular, é preciso descobrir qual o método de entrada correto: entre numa caixa de texto qualquer, toque ela até vir o menu, escolha Input Method e vá testando as opções (Android Keyboard, Default Input, etc.), até achar uma que esteja acentuada (pra mim variou conforme o firmware instalado).

Dentre os “brindes” que o firmware customizado oferece estão opções como fazer reboot direto para o XRecovery/ClockworkMod, e um programa que habilita o uso do flash LED da câmera como lanterna! Mas o ponto alto é a agilidade: a lista de contatos e o envio de SMS eram incapazes de administrar a quantidade de contatos que eu tenho, e no novo sistema é tudo instantâneo e bem integrado – bem mais próximo da experiência do iOS. E é cedo pra falar, mas até a bateria parece que está segurando melhor. Aprovadíssimo!

UPDATE: O slade87 não está mais desenvolvendo esta ROM (aparentemente ele ficou cansado dos trolls nos fóruns, que esquecem que ele está doando seu tempo), mas experimentei o FroyoBread que parece funcionar bem também.

UPDATE 2 (GINGERBREAD): O FroyoBread não foi tão liso quanto eu esperava. Mas tem um build de Android 2.3 que parece estável o bastante, e instalei hoje. Dei wipe nos dados do usuário dentro do XRecovery, instalei o firmware e logo em seguida, sem reboot, o patch, arrumei o teclado e parece que funciona tudo agora. Ou seja, estou com Android 2.3 (Gingerbread) no X10 Mini Pro!!!!

UPDATE 3 (MiniCM): Pouco antes do final de 2011 saiu o MiniCM7, outro firmware para o X10 Mini Pro customizado a partir do CyanogenMod 7 (e, portanto, Android 2.3). Ele promete mais estabilidade e performance, e, como sempre, tem a receita de bolo para instalar no xda-developers. O catch: para ser instalada, ela exige a troca do kernel Linux por um customizado (o nAa), e a instalação deste, por sua vez, pede o unlock do bootloader (além do root do celular que as outras pediam). É uma operação com uma bela possibilidade de tijolar o celular – eu só fiz porque estava em um delírio de insônia. Vamos ver se melhora algo.

Comments